segunda-feira, 27 de julho de 2009

CAMPEONATO BRASILEIRO DE KARATÊ ADULTO

CIRCULAR-013/09



Assunto: CAMPEONATO BRASILEIRO ADULTO E VETERANOS – KATA E KUMITE

S E L E T I V A


O Campeonato Brasileiro Adulto e Veteranos – Kata e Kumite, Individual e Equipe, será realizado no período de 16 a 18 de outubro, na Cidade de Natal-RN.

Para tanto, será realizada uma Seletiva de acordo com as informações abaixo:

Data: 15 de agosto de 2009.
Horário: 09:00 horas
Local: Salão de Eventos do Palácio dos Esportes – Sede da FBK

DIVISÃO DE NOVOS – APENAS INDIVIDUAL

6o. ao 3o. Kyu (Faixa Amarela a Verde)
Serão classificados apenas 2 (dois) candidatos para Kata e 2 (dois) para cada peso de kumite.

DIVISÃO ESPECIAL – INDIVIDUAL E EQUIPE

2o. KYU ACIMA (Faixa Roxa a Preta)
Serão classificados apenas 4(quatro) candidatos para Kata e 4 (quatro) para cada peso de kumite.

Para as duas divisões as tabelas de idades e pesos são iguais:

K A T A INDIVIDUAL
IDADE
CATEGORIA
ACIMA DE 18 ANOS – MASC. E FEM.
ADULTO
35 A 40 – MASC. E FEM.
VETERANO A
41 A 45 – MASC. E FEM.
VETERANO B
46 E ACIMA – MASC. E FEM.
VETERANO C


K U M I T E I N D I V I D U A L
IDADE
CATEGORIA
PESOS
18 E ACIMA - MASCULINO
ADULTO
-60; -67; -75; -84; +84
18 E ACIMA - FEMININO
ADULTO
-50; -55; -61; -68; +68

Para a Divisão Especial serão selecionadas:
1 equipe de kata adulta masculina (acima de 18 anos);
1 equipe de kata adulta feminina (acima de 18 anos);
1 equipe de kumite adulta masculina (18 anos e acima);
1 equipe de kumite adulta feminina (18 anos e acima).

As equipes de kata,masculina ou feminina, serão compostas de 3 (três) atletas.
Excepcionalmente nas equipes de kata adultas poderá ser incluído 1 (um/a) atleta com idade mínima de 16 anos completos, o qual só poderá participar de uma equipe.

A equipe de kumite masculina será composta de 5 (cinco) atletas e 2 (dois) reservas) enquanto a equipe de kumite feminina será composta de 3 (três) atletas e 1 (uma) reserva.

Na Divisão de Novos os katas obrigatórios (Shitei) serão os katas de base característicos de cada estilo conforme tabela abaixo, e poderão ser repetidos até as finais:

SHOTOKAN
5 HEIANS E 3 TEKKIS
WADO RYU
5 PINANS – NAIHANCHI
GOJU RYU
GEIKISAI ICHI e NI, SANCHIN, TENSHO, TAICHI JO TCHU GUE
SHITO RYU
TEN-NO-KATA, TI-NO-KATA, PINANS
SHORIN RYU
NAIHANCHI 1o. Ao 3o., PINANS

Na Divisão Especial os Shiteis e Tokuis katas serão aqueles constantes da Tabela da WKF e não poderão ser repetidos em nenhuma das fases.

PRAZO PARA INSCRIÇÃO: IMPRETERIVELMENTE ATÉ O DIA 10.08.09.ATÉ AS 17:00 HORAS

Salvador, 17 de julho de 2009.

Antonio Carlos Negreiro
Presidente

RESULTADO DO EXAME DE FAIXA REALIZADO PELA ASKADOI 13/06/2009

De faixa branca para faixa branca/vermelha
01- Evandro Novaes Souza Júnior 44,5 pontos
02- Vitor Hugo Santos de Oliveira 42,0 pontos

De faixa branca para faixa vermelha

01- Davi Moreira da Silva Santos 42,0 pontos
02- Fahir Laez Cruzado Rezak 39,0 pontos 3º lugar
03- Larissa de Jesus Guedes 39,5 pontos 2º lugar
04- Pedro Luca Ramos Pereira 38,0 pontos

De faixa branca p/ amarela

01- Camila almeida Teixeira 42,5 pontos 1º lugar
02- Daniel Moreira da Silva Santos 39,0 pontos
03- Gabriel Fraga Santos Santana 40,0 pontos 3º lugar
04- Igor Carneiro Ribeiro 38,0 pontos
05- Priscila Silva Araújo 37,0 pontos
06- Walter Ney Silva de Oliveira 41,0 Pontos 2º lugar

De faixa vermelha para faixa amarela

01- Cristiano costa dos Santos Filho 37,0
02- David Santos Azevedo 39,0 pontos 2º lugar
03- Lethícia dos Santos Almeida 38,0 pontos 3º lugar
04- Ramon Nery de Almeida 40,0 pontos 1º lugar

De faixa amarela para faixa laranja

01- Carlos Daniel dos Santos Cerqueira 45,5 1º lugar
02- Jailton da Cruz Mártires Júnior 42,0 pontos 2º lugar
03- João Lucas Souza dos Santos 45,5 pontos 1º lugar

De faixa laranja para azul

01- Antônio de Freitas Borges Filho 53,5 pontos
02- Elias Arnold Santos Dias 47,5 pontos
03- Erick Alves Pimentel do Santos 52,0 pontos
04- Felipe Augusto Viena 51,5 pontos
05- João Barbosa Barreto Neto 54,0 pontos
06- Lucas Santos Brasil 50,5 pontos
07- Raianny Machado da Costa Assis 55,0 pontos 1º lugar *
08- Riquelle de Matos do Nascimento 53,5 pontos 2º lugar
09- Renaldo Conceição Tanan da Silva 55,0 1º lugar *
10- Renan Gusmão D’Arruda 42,5 pontos 2º lugar
11- Rivaldo Cavalcante Silva Filho 55,0 pontos 1º lugar*
Empate
De faixa azul para faixa verde

01- Ervellin Neo Marx Azevedo Oliveira 84,5 pontos

De faixa verde para faixa verde 1º estágio

01- Danilo Vaz Cunha 68,0 pontos 2º lugar
02- Glauber Santos Azevedo 87,5 pontos 1º lugar

De faixa verde para faixa verde 3º estágio

01- Kaio Walame Nscimento Santana 75,5 pontos

De faixa Roxa para faixa Marrom

001- Rafael Brito dos Santos 96,8 pontos

Karatê: Um Esporte Completo

UM ESPORTE COMPLETO
São inúmeros os benefícios do karatê para o seu praticante, sejam adultos, jovens, idosos ou crianças. Estes benefícios são divididos no plano biológico, no psicomotor e no e no plano afetivo-social.
BIOLÓGICO
A prática do karatê ativa as grandes funções orgânicas, veja alguns dos resultados:
Ossos mais resistentes;
Aumento da capacidade pulmonar;
Coração forte e vasos sanguíneos resistentes;
O gasto calórico entre 500 e 800 calorias equilibra o percentual de gordura corporal;
Etc.
PSICOMOTOR
Os movimentos complexos do karatê, exigem do raciocínio motor tão quanto uma conta matemática, fazendo melhorar a inteligência em outras áreas de conhecimentos. Também fazem parte das aulas de karatê, técnicas de correção postural e técnicas de como cair sem acidentes.
AFETIVO –SOCIAL
O karatê é conhecido por seus conceitos de comportamento, respeito e disciplina. Por este motivo, crianças hiperativas, inquietas, com história de falta de limites ou agressividade são encaminhadas, por médicos e educadores, às aulas de karatê.
A verdade é que o Karatê é uma arte de origem oriental e incorpora alguns princípios de uma cultura milenar, apresentando fins educativos, como: a valorização do bom relacionamento interpessoal, respeito mútuo, caráter, disciplina, persistência e auto-controle.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

MAYANA CERQUEIRA SE PREPARA PARA O BRASILEIRO EM MATO GROSSO


A atleta Mayana Cerqueira, faixa preta juvenil, se prepara para participar do Campeontao Brasileiro de Karatê no próximo mês. A competição será em Mato Grosso no período de 7 a 9 de agosto próximo. A atleta treina sob o comando do Prof. José Antônio.

TREINO PREPARATÓRIO PARA O BAIANO DE KUMITÊ




A Equipe de Kumitê está treinando firme buscando chegar ao melhor da foram física e técnica. Além dos treinos durante a semana estão ocorrendo também treinos específicos aos sábados. O baiano será realizado em Feira de Santana no dia 19 de setembro. Na foto Cleuber (costas) e Toinho.


sábado, 18 de julho de 2009

EXAME DE FAIXA


Alunos da ASKADOI durante exame de faixa realizado no mês de Junho.

PALESTRA SOBRE PREVENÇÃO DO USO DE DROGAS

O Prof. José Antônio, hoje dia 17 de julho, ministrou mais uma palestra sobre DROGAS. Desta vez foi na escola Maria Bernarda, onde cerca de 80 jovens assistiram a palestra sobre as drogas e o risco que elas oferecem. Os jovens se mostraram muito atentos e participaram da palestra com bastante atenção e interesse. A palestra teve também a participação de Roberval F. Leite, que é investigador de polícia e chefe de custódia da DEPOL de Itaberaba.

TREINAMENTO PARA O BAIANO DE KUMITÊ

Amanhã acontece mais um treino da equipe de Shiai Kumitê que participará do Campeonato Baiano juvenil a máster em setembro. Os atletas José Antônio, Cleuber Carneiro, Júlio Neto, Érberson Brito, Eraldo, Mayana Cerqueira, Roger Millar, Rafael Brito, André e Rivaldo estão se preparando para chegarem bem na competição que será realizada no dia 19 de setembro próximo.

Possivelmente esses atletas viajarão em agosto para Porto Seguro, onde em um final de semana serão realizados treinos com o Prof. Carlos Vieira, Eziro, Citon, Rui e Deby. O objetivo é integração e troca de conhecimento para evolução mútua.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

APRESENTAÇÃO DE KATA POR JOSÉ ANTÔNIO

Apresentação do kata Gojushihô durante curso de Kihon/Kata e defesa pessoal em Porto Seguro na academia do Prof. Carlos Vieira.
video

segunda-feira, 13 de julho de 2009

MAYANA FICA EM 4º LUGAR NO BAIANO DE KATA


CAMPEONATO BAIANO DE KATÁ 2009
Organizado pela FBK – Federação Baiana de Karatê, foi realizado no Ginásio Esportivo da Cidade do Saber em Camaçari, no dia 11 de Julho de 2009, o Campeonato Baiano de Karatê, modalidade Katá das Categorias Juvenil à Máster.
Pouco mais de 150 atletas, masculino e feminino de diversos Clubes filiados à FBK competiram neste dia.
A ASKADOI foi representada pela atleta Mayana Cerqueira, que ficou em 4º lugar na categoria juvenil. Mayana esteve na competição acompanhada da sua mãe Josied Cerqueira.
O Clube Shobukan foi o destaque da competição conquistando a maioria dos títulos em que participou.
Veja alguns dos principais resultados:
Katá Equipe Júnior Masculino – CAMPEÃO – Ramon, Aderbal e Ricardo Luan; SHOBUKAN
Katá Equipe Sênior Feminino – HEXACAMPEÃS – Patrícia, Laila e Daniele;
Katá Equipe Sênior Masculino – PENTACAMPEÕES – Fabrice, Alexandre e Eric;
Katá Individual Sênior Feminino – CAMPEÃ – Patrícia Carvalho Chiron e 7° LUGAR – Cristiane Ferreira;
Katá Individual Sênior Masculino – CAMPEÃ – Fabrice Chiron e como 3° Colocados – Alexandre Rezende e Eric Nascimento;

sexta-feira, 10 de julho de 2009

Abordagem ao BUBISHI

O Bubishi é considerado um tesouro, de uma grande riqueza no conhecimento marcial, e os oitos preceitos que nele constam são para muitos Mestres ( especialmente das escolas com origem em Naha-te ) a essência das Artes Marciais. Em 1621, Mao Yuen Yi publicou um trabalho sobre tácticas militares composto por duzentos e quarenta capítulos com noventa e um volumes cada, intitulado Wu Pei Chih, com detalhes de aspectos militares era composto por vários capítulos e incluía uma secção sobre métodos de "mão vazia/nua". Os aspectos técnicos do trabalho são baseados em métodos chineses da Garça Branca (Hakutsuru) - Província de Fukien. Apesar do desconhecimento do autor, o Bubishi (Okinawa Bubishi) foi criado a partir de conhecimentos práticos de combate. Foi escrito na antiga língua chinesa ' Wenyan', e é composto por trinta e dois capítulos que além de nos fornecerem dados sobre a história do Boxe da Garça Branca "White Crane Boxing" nos descrevem ainda as importantes observações do Mestre Wang Yo Teng sobre, ataques aos pontos vitais, informação sobre meridianos, plantas medicinais, sua composição e utilização, comentários de Sun Tzu's retirados do seu livro a Arte da Guerra, códigos ético- marciais, técnicas de combate de mão vazia, as quarenta e oito técnicas de Quan, "Dim Mak" ou toque mortal, etc... Se traduzir-mos à letra a palavra Bubishi significa Bu (militar), Bi (preparação), Shi (registo) e podemos assim definir como "manual de preparação militar ", tradução que "castra" a importância do documento, cujo desenvolvimento veio a partir das técnicas do Kempo Chinês do estilo Garça Branca, influenciando muito o Karaté de Okinawa. Apesar do desconhecimento do autor, o Bubishi foi criado concerteza a partir de conhecimentos práticos de combate. Um mestre de karate de Okinawa que é conhecido por ter estudado o Bubishi é Nakaima Kemi (1819 -1879). Ele foi o fundador do estilo ou escola Ryuei-Ryu de Naha-te. Nakaima viajou para a China por forma a estudar com o Mestre LiuKung ou Xie Zhong Xiang (Mestre de Higashionna) estudante de Fang Chi Niang que foi o fundador da arte Garça Branca, diz-se que quando regressou da China para Okinawa onde era conhecido por Ryuru Ko (Honorável Mestre) trouxe uma cópia do documento Bubishi. O Bubishi foi concerteza desenvolvido por grandes Mestres chineses e após ter sido trazido ou escrito em Okinawa foi dado a "conhecer" ao Mundo Ocidental. Existem muitas teorias acerca do seu aparecimento na ilha de Okinawa uma delas sugere que Itosu Anku (1832 - 1915) foi uma das fontes que contribuíram para difundir o documento, sendo ele responsável pelo desenvolvimento das tradições de lutas de auto defesa que mais tarde se acabaram tornando estilos (Shuri Te e Naha Te). Seu mestre lendário "Bushi" Matsumura Chikudun Pechin Sokon (1809 - 1901), tinha estudado Kung-Fu em Fuzhou e Beijing e poderia ter sido muito bem a fonte de transmissão do Bubishi pela primeira vez em Okinawa. Diversos Mestres escreveram versões do documento que admitem ter sido copiado de uma outra cópia anterior, a titulo de exemplo poderemos referenciar os Mestres Kenwa Mabuni (fundador do Shito-Ryu), Gichin Funakoshi (Fundador do Shotokan), Gogen Yamaguchi (fundador da linha japonesa de Goju-kai), etc... No interior do documento encontramos um capítulo com o nome "48 técnicas de Quan" com ilustrações de dois lutadores aplicando técnicas, sempre acompanhadas por um texto em forma de poema, descrevendo a acção dos lutadores. Dadas as ilustrações do documento é possível que encontrar muitas dessas técnicas nos kata tradicionais de Okinawa e é provável que tenham utilizado o Bubishi para aperfeiçoar e refinar as técnicas contidas nos kata ou até mesmo para corrigir erros de transmissão. Na secção do documento sobre os quarenta e oito métodos de boxe chinês é interessante verificar as diversas aplicações e técnicas que ainda actualmente são transmitidas nos vários Dojos e diversos estilos de Okinawa. O que é curioso referenciar das ilustrações e textos do documento, é o facto de não se verificarem nenhumas defesas contra armas, e assim sendo à ideia de que o desenvolvimento do Karate em Okinawa está directamente ligado à necessidade de defesa contra a repressão dos Samurais Japoneses, fica um pouco em causa. Se a teoria tivesse muito fundamento seria de esperar ilustrações e textos com referências a defesas contra katanas ou outro tipo de armas. De qualquer forma, estas perguntas e respostas ainda necessitam de muita análise e pesquisa, apesar das ilustrações nos darem uma boa "imagem" do tode (mão da China) praticado em Okinawa eventualmente há dois séculos ou mais. Entre os vários capítulos existentes o mais confuso e menos prático, chegando mesmo a poder considerar-se perigoso e irresponsável o seu uso devido à falta de conhecimento sobre os elementos apresentados, é o capitulo da medicina tradicional chinesa. Documenta um conjunto vasto de ervas e suas aplicações bem como pontos de acupunctura, descrevendo o Homem de Bronze e seus trinta e seis pontos vitais, modelo do corpo humano indicando os meridianos que, foi mandado construir pelo Imperador Ren Zong, a um oficial de medicina imperial Wang Wei na época de 1026 D.C. Foram inicialmente elaborados dois modelos , o homem de bronze mostrava precisamente os pontos do meridiano em relação aos órgãos internos. Este desenvolvimento foi um marco para a medicina dado que até ao final a dinastia Song, todas as representações anatómicas eram feitas a duas dimensões. No final de mil anos de prática de acupunctura, muitos pontos desnecessários foram descobertos. Verificou-se que agulhando estes locais as piores doenças podiam ser curadas e em certos pontos poderiam causar morte imediata. O Mestre Zhang Sanfeng(1270 D.C.) perito na arte marcial Daoist (Templo de Shaolin em Henan) e perito de acupunctura registou e desenvolveu os resultados das suas "análises", tornando-se numa das referencias mais importantes sobre esta matéria. Ao atingir um dos trinta e seis pontos vitais pode ocorrer: morte, paralisia, inconsciência e problemas respiratórios. Um homem pode ser magoado se levemente atingido ou com uma pancada forte pode ser fatal... Dos trinta e seis pontos vitais, vinte e dois são na parte frontal e catorze são nas costas. Existem cinco meios de atacar os pontos vitais: cortando (usando a quina da mão) , pressionando (usando a ponta dos dedos), espalmando (usando a palma da mão), batendo (usando a mão), apertando (usando os dedos para agarrar). Se o pontos vitais forem atacados em conjunto com a teoria do fluxo sanguíneo, então um trauma para um pequeno ponto vital magoará a pessoa, e um trauma em um grande ponto vital o matará. A complexa teoria do fluxo sanguíneo é dividida em doze iguais períodos e os pontos vitais são localizados ao longo desses doze canais. Interessantes técnicas chamadas de "O diagrama de doze horas do toque mortal ", ilustram técnicas utilizadas simultaneamente que provocariam a morte do adversário após um dia(s), semana(s), mese(s) e até mesmo ano(s) depois do combate. Isto deve-se a um estudo minucioso do fluxo sanguíneo no corpo humano e como ele se comporta durante as doze horas do dia. Algumas autoridades reclamam que o Bubishi foi escrito durante a Dinastia Ch'ing(1644-1912) e que o Mestre Kanryo Higashionna (1851- 1916) ou Mestre Chojun Miyagi(1888- 1953) o introduziram em Okinawa, entre as várias visitas de estudo à China o tenham trazido por inteiro ou pelo menos alguns excertos. O primeiro capítulo do livro intitulado as "Origens do Boxe da Garça Branca" informa-nos que o estilo foi fundado por uma mulher, Feng Chi Niang que, modificou o sistema ensinado pelo seu Pai , Feng Shih Yu de Fukien. Neste capítulo encontram-se os elementos básicos que "auxiliaram" Mestre Chojun Miyagi a criar os katas Sanchin(Samchien em Chinês - exercício de desenvolvimento respiratório) e Tensho, harmonizando assim a essência do estilo GO / duro(sanchin que se traduz por três "san" batalhas "chin") e JU / flexível (tensho que se traduz por "mãos correntes")...É interessante verificar que o documento engloba uma versão do kata Sanchin, a qual é prática fundamental dos estilos de Naha-te (Goju-Ryu e Uechi-Ryu). Uma forma mais antiga de sanchin é a fundação do estilo de Fujen Quan Fa, baseado na concepção do desenvolvimento da energia interna vital (Ki ou Chi) através da execução de movimentos e posturas sincronizadas com a respiração. Existe uma lenda de que o Mestre Zeng Lishu treinou durante três anos sanchin(Paipuren) e tornou-se um Mestre Invencível. Para os mestres antigos a referência à arte marcial que em Okinawa deu origem ao karaté na última transição de século sempre foi o Homem em si mesmo e circunstancialmente o Homem em oposição a adversários.

Website: http://jip.no.sapo.pt/

quinta-feira, 9 de julho de 2009

MAYANA CERQUEIRA PARTICIPARÁ DO BAIANO DE KATA

Mayana Cerqueira de Souza, 16 anos, participará do Campeonato Baiano de Kata que será realizado em Camacari na cidade do saber no próximo sábado dia 11. Mayana ficou em 3º lugar na competição do ano passado e espera também subir no pódium desta vez.

Mayana está também se preparando para participar do Campeonato Brasileiro de Kumitê no próximo mês.

A família ASKADOI deseja sucesso para Mayana.

Os Jogos Olímpicos são muito importantes para um esporte como o Karatê, que combina todos os valores que representam. Um dos pontos fortes do Karatê é o seu valor social."
São Sete Esportes na campanha para aderir ao programa olímpico para os Jogos 2016, cada uma apresentando seu caso na próxima semana a Comissão Executiva do COI em Lausanne.
Beisebol, Golfe, Karatê, Patinação, Rugby, Softbol e Squash são os candidatos.
Nessa parcela da nossa série sobre cada um dos esportes, World Karate Federation – Presidente Antonio Espinós fala Karatê e as Olimpíadas.
Porque é o momento certo para Karatê entrar nos Jogos Olímpicos?
Antonio Espinós: Estamos ainda mais fortes e mais estáveis do que então [Sessão COI em Cingapura 2005]. Temos progredido muito nesses quatro anos e melhorou nos relatórios apresentados ao COI. Estávamos prontos e, em seguida, estamos ainda mais prontos em 2009.
Por que as Olimpíadas são importantes para Karatê?
AE: Os Jogos Olímpicos são muito importantes para um esporte como o Karatê, que combina todos os valores que representam. Um dos pontos fortes do Karatê é o seu valor social. Temos 180 Federações e é um esporte que representa as práticas da sociedade de hoje. O problema, hoje, é o reconhecimento social por instituições dos países em desenvolvimento ... esportes olímpicos obtem financiamentos por instituições públicas, mas não ganhamos nada de esportes olímpicos. Apesar de que temos sido capazes de promover o desporto. Você pode imaginar o que aconteceria se nos tornarmos um esporte olímpico, seria aumentar o valor social do Karatê.
Qual é a contribuição Karatê faz aos Jogos Olímpicos?
AE: Temos uma proposta de elite 120 atletas, 60 homens e 60 mulheres, de modo que contribuam para a eqüidade de gênero. É um desporto espetacular e atraente e temos muito boas audiências quando temos grandes eventos, como Campeonatos Mundiais. Karatê podem compartilhar um espaço existente nas Olimpíadas, como Vôley ou Basquete, não precisamos de mais espaços. Também é um desporto muito barato. Nós só precisamos de duas áreas de competição desportiva, além de áreas de formação, telas e painéis.
Qual é o seu único ponto de venda ao longo do seu rivais?
AE: Alguns membros COI acham que se o Karatê entrar haverá muitas Artes Marciais e do programa em 2002 o Relatório da Comissão disse exatamente isso. Na Sessão do COI em 2005, revelou esta não era a opinião dos principais membros do COI que foram selecionadas com o Squash. Isso provou que não têm qualquer problema com o Karatê, mas nós não poderíamos chegar a dois terços para se tornar um Esporte Olímpico. Queremos dinamizar o programa Olímpico.
Qual tem sido a campanha?
AE: Somos uma Federação modesta, não temos muitos recursos para fazer uma grande campanha nos meios de comunicação. Mas fomos muito ativos e fomos entrando em contato com o [COI] com o presidente em muitas reuniões. Na Associação de Comitês Olímpicos Nacionais da África, em agosto, vou fazer uma apresentação sobre Karatê. E nós conversamos com as pessoas na Sportaccord em Denver. Temos vindo a fazer, tanto quanto pudermos, mas sempre seguindo o princípio estabelecido pelo presidente do COI de que o dinheiro que deveria ter.
A Federação Mundial de Karatê é o único Orgão Internacional de Karatê que é reconhecida pelo COI. (AFP / Getty Images) ser utilizada para o desenvolvimento do desporto, não tanto para a licitação. Eu não acho que eles [membros COI] deve ser muito influenciados pela mídia. Solicitamos ao [COI] ao presidente, para fornecer uma bolsa para o candidato das Federações para compensar esses gastos e reduzir o impacto sobre o nosso desenvolvimento, nós ainda não temos uma resposta. Para serem selecionados não devem tornar-se uma sanção para uma Federação.
Você está planejando a rampa até a sua campanha no tempo que antecedeu a reunião de Berlim Executiva, em Agosto, e em caso afirmativo, o que podemos esperar?
AE: Não, não estamos fazendo nada de especial. Eu estarei fazendo a apresentação para os Jogos Africanos e não muito mais. Iremos enviar mais materiais para o COI e ser mais ativa neste caminho.
O que você fez para fazer Karatê interessante e adequado para as Olimpíadas?
AE: Nós fizemos muitas coisas. Quando fui eleito presidente em 1998 meu programa foi concebido para fazer o Karatê mais espetacular e de preparar-nos para as Olimpíadas.
No nosso congresso de 2000 que aprovou as primeiras grandes mudanças foi nas regras de competições a torná-lo mais atraente numa competição. Em 1 de janeiro de [2009] novas alterações entraram em vigor com ligeiros ajustamentos a partir do plano de 2000 , e tudo está funcionando perfeitamente. Também criamos uma nova categoria de cadetes [14-15 anos], mesmo antes do COI falar de Jogos Olímpicos da Juventude. Também temos trabalhado na melhoria da segurança dos atletas e sobre as regras de arbitragem.
A WKF que tem 189 Federações Nacionais filiadas à Organização.
Tem o Karatê sentido da falta de recursos financeiros e com isto afetado as suas chances na competição contra alguns rivais endinheirado ?
AE: Acho que o importante é que o COI tem a sua opinião sobre o desporto, é baseada em valores não sobre o dinheiro de cada desporto tem sido gastos de publicidade e em campanhas. Os membros do COI têm todos os elementos necessários para conhecer cada desporto. Somos um desporto para as pessoas.
Você acha que a ausência de escândalos e problemas de dopagem no Karatê pode proporcionar um grande impulso?
AE: Eu posso garantir-vos que estamos com uma Federação muito estável e unida e isso é muito poderoso. 100% do meu tempo no desporto é para a promoção do Karatê não para resolver problemas. O Karatê é um esporte livre de drogas. Nos poucos casos, as substâncias encontradas em análises não foram para melhorar o desempenho dos atletas. Penso que nos últimos anos, a estabilidade da WKF com o mesmo presidente, secretário-geral e equipe a bordo tenha sido capaz de reforçar a imagem de profissionalismo, de amar o esporte e trabalho para ele.
Como você está confiante e você acha que suas chances têm melhorado nos últimos meses?
AE: Eu estou confiante sobre as nossas possibilidades. Seria uma grande lição para o nosso mundo, dinheiro não é tudo. O COI tem uma grande oportunidade para dar a esta mensagem para todos - que o desporto é a coisa mais importante.
Texto: Geraldo Carvalho - DIRETOR DE DIVULGAÇÃO DA SHOBUKAN

quarta-feira, 8 de julho de 2009

CAMPEONATO SULAMERICANO

O selecionado brasileiro de karatê participou do Campeonato Sulamericano 2009, no Coliseu da Universidade de Medellín, na cidade de Medellín-Colômbia, no período 01 a 05 de julho. Esteve presente no evento 10 países: Uruguai, Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru e Venezuela.A seleção é composta por karatecas das categorias masculino e feminino, modalidade katá e kumitê individual, nas diversas classes que compõem a competição. A Bahia se fez presente na Seleção Brasileira e no evento, com a participação dos karatecas abaixo: 1. Patrícia Carvalho – Katá Individual Adulto; 2. Ruana Carla – Katá Equipe Junior; 3. Paloma Barbosa Nunes – Kumitê Individual Juvenil; 4. Bruno Botelho – Kumitê Individual Infanto; 5. Pedro Henrique Caires – Kumitê Individual Infantil. O Brasil conquistou 11 medalhas de ouro, 12 prata e 17 bronze.Medalha de OuroKatá Equipe Junior - FemininoRuana Carla, Natasha Kussano e Mariana EmidioMedalhas de BronzeKata Equipe Junior - MasculinoAlan Jozala, Alex de Souza e Robertson de SouzaKumite Equipe FemininoJeanis Colzani, Valeria Kumizaki, Erica Santos e Débora Duarte.

Fonte: Site da FBK

quinta-feira, 2 de julho de 2009


CAMPEONATO BAIANO DE KATÁ Classes: Juvenil a Sênior Data: 11 de julho de 2009 Local: Cidade do Saber - Camaçari Encerramento das Inscrições: 01/07/2009 Congresso Técnico: 07 de julho de 2009 às 10h.

CAMPEONATO BRASILEIRO DE KATÁ E KUMITÊ Classes: Juvenil e Junior Data: 07 a 09 de agosto de 2009. Local: Cuiabá - Mato Grosso - Encerramento das Inscrições: 22/07/2009.

CURSO DE ARBITRAGEM Palestrante: Celso Rodrigues Data: 09 de julho de 2009 Horário: 18h Local: Sede da FBK

CAMPEONATO BAIANO DE KUMITÊ - JUVENIL A MASTER


O Campeonato Baiano de Kumitê - Juvenil a Senior, anteriormente marcado para o dia 22 de agosto de 2009, acontecerá no seguinte dia:Data: 19 de setembro de 2009 Local: Complexo Esportivo Oyama Pinto End.: Av. Transnordestina Campo Limpo - Feira de Santana Referência: próximo a Universidade.

O Encontro de Faixa Preta marcado para o dia 19/09/2009, terá a data redefinida.

Fonte: FBK